Apaixonado por esporte e religioso: veja quem é o turista de Valinhos que morreu após cair de costão de 15 metros em Florianópolis

apaixonado-por-esporte-e-religioso:-veja-quem-e-o-turista-de-valinhos-que-morreu-apos-cair-de-costao-de-15-metros-em-florianopolis



Mateus Aparecido Macedo, de 29 anos, era engenheiro, trabalhava em multinacional e morreu após acidente no sábado (21). Parentes e amigos se despediram durante velório nesta segunda. Mateus Aparecido Macedo morreu após acidente em Florianópolis
Reprodução/Redes Sociais
O jovem de Valinhos (SP) que morreu após cair de uma formação rochosa com 15 metros em Florianópolis (SC), no sábado (21), estava de férias, era apaixonado por esporte e religioso, segundo relatos de parentes e amigos. Mateus Aparecido Macedo, de 29 anos, viveu por duas décadas na cidade paulista, onde reside a família, e foi sepultado na tarde desta segunda no cemitério municipal.
O rapaz nasceu em Iacri (SP), era engenheiro de materiais e trabalhava em uma multinacional em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele foi encontrado entre as pedras em uma área de difícil acesso após a queda de um costão na Praia do Pântano do Sul. A vítima sofreu fraturas no crânio, rosto, além de um braço e fêmur. Veja vídeo do local do acidente.
Engenheiro de Valinhos que caiu de penhasco é enterrado nesta segunda-feira
À reportagem da EPTV, afiliada da TV Globo, um tio da vítima, Ademar José Macedo, explicou que a família ainda desconhece detalhes sobre como foi o acidente na capital catarinense. Segundo ele, o sobrinho já havia visitado o estado em 2022 e gostava de “aventuras e trilhas”.
“Esse ano ele retornou novamente e veio a ocorrer essa fatalidade que deixou a gente muito triste, chocado […] Não sabemos qual foi o procedimento que ele estava fazendo no momento da queda, se estava subindo ou se estava descendo. Isso é algo que somente as autoridades que estiverem lá no local poderiam dizer ou alguma pessoa que estava na trilha no momento do acidente”, explicou. Segundo ele, o jovem costumava ir a Valinhos para visitar a família.
Ademar José Macedo é tio de jovem que morreu após cair de formação rochosa em Florianópolis
Reprodução/EPTV
“Às vezes vinha fim de semana [a Valinhos] para a casa dos pais, por causa dos pais dele e das irmãs dele. Ele tinha muito amor, muito carinho com as irmãs, eles tinham uma união muito bonita, amorosa, e ele vinha para cá e às vezes passava o fim de semana e voltava para São Bernardo”, contou Macedo, que trabalha como professor na rede estadual de ensino em São Paulo.
Amizade na UFSCar
Uma das amigas mais próximas de Mateus, a gerontóloga Stephanie Martins de Faria relatou durante o velório que eles se conheceram em 2012, quando foram aprovados no vestibular da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). O envolvimento do rapaz com atividades esportes, segundo ela, teria aumentado nos últimos três anos.
“Na universidade tive mais contato do ponto de vista humano em relação aos estudos, nos últimos três anos percebi que ele teve contato maior com esportes, era uma pessoa mansa, muito querida, se preocupava com as pessoas e gostava da natureza que Deus criou […] Foi algo muito abrupto, É meu grande amigo do coração”, falou.
Stephanie Martins de Faria é amiga de jovem que morreu após cair de formação rochosa em Florianópolis
Reprodução/EPTV
VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região
Veja mais notícias da região no g1 Campinas.

Vittorio Ferla

0 comments on “Apaixonado por esporte e religioso: veja quem é o turista de Valinhos que morreu após cair de costão de 15 metros em Florianópolis

Leave a Reply

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: