Capivara desaparece em Caxias do Sul: ‘considerava como meu filho’, diz tutora; VÍDEO e FOTOS

capivara-desaparece-em-caxias-do-sul:-‘considerava-como-meu-filho’,-diz-tutora;-video-e-fotos



Animal não é visto desde 15 de janeiro por proprietários de estabelecimento turístico. Suspeita é de que capivara tenha sido morta por caçadores. Polícia Civil investiga caso. Capivara desaparecida em Caxias do Sul
Uma capivara desapareceu em Caxias do Sul, na Serra do Rio Grande do Sul, no dia 15 de janeiro. O animal, chamado de Nicanor, era considerado de estimação para a família proprietária de um estabelecimento turístico na localidade de Vila Seca, no interior do município. Veja fotos no final da reportagem.
“Eu considerava ele como meu filho. Foi uma parte de mim que foi. Falta alguma coisa aqui, agora”, diz Elisana Stumpf, sócia do local.
O caso foi registrado na 3ª Delegacia Distrital de Caxias do Sul. Segundo o delegado Edinei Albarello, um inquérito foi instaurado para apurar os fatos. A família suspeita que a capivara tenha sido baleada e morta. A caça do animal é considerada ilegal, e a pena para o crime pode chegar a um ano de prisão.
Segundo a proprietária do local, a capivara foi vista pela última vez na noite de domingo, após sair do pátio do estabelecimento, fato que normalmente fazia, por ser solto na natureza.
“Na segunda-feira à noite, a gente estava deitado por volta das 22h e a gente escutou um disparo bem perto daqui. Sabe, foi um disparo só, tu não ouve aquele eco do tiro, tu vê que foi certeiro. A gente foi no outro dia atrás dele. Fomos procurar, gritamos, não achamos ele de novo. E lá na beira do açude, a gente viu uma poça de sangue, bem grande que com certeza foi lá que ele foi morto”, afirma Elisana.
LEIA TAMBÉM:
VÍDEO: macaco circula por ruas de Porto Alegre
Animais silvestres: saiba as regras para criar em casa
Capivara Nicanor desaparecida em Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Comoção nas redes
O acontecimento causou comoção nas redes sociais. Visitantes do estabelecimento postaram fotos em solidariedade a Nicanor. “Sentiremos saudades Nicanor! Vc era nossa atração principal”, escreveu uma visitante no Instagram.
“Sempre que começava a vir gente aqui, ele aparecia. Ele gostava de gente, ele gostava de movimento, ele gostava de bater foto”, conta Elisana.
De acordo com a proprietária, a capivara era dócil e muito amigável com os turistas.
“Ele estava esperando só um carinho, não um tiro. O Nicanor não vai voltar nunca mais, mas eu quero que parem de matar, parem de matar animal”, diz a tutora.
Capivara com Elisana em Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Fotos de Nicanor:
Capivara Nicanor em estabelecimento turístico de Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Capivaras em Caixas do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Capivara descansa na sombra em Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Capivara em Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
Capivara Nicanor na sombra, em Caxias do Sul
Elisana Stumpf/Arquivo pessoal
VÍDEOS: Tudo sobre o RS

Vittorio Rienzo

0 comments on “Capivara desaparece em Caxias do Sul: ‘considerava como meu filho’, diz tutora; VÍDEO e FOTOS

Leave a Reply

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: