Casais são sequestrados em rodovia, feitos reféns em cativeiro e liberados após transferências bancárias

casais-sao-sequestrados-em-rodovia,-feitos-refens-em-cativeiro-e-liberados-apos-transferencias-bancarias



Casais não se conheciam e foram levados para o mesmo cativeiro. Eles foram abordados na rodovia Cônego Domênico Rangoni. Dois casais são vitimas de sequestro em Cubatão, SP
Carlos Abelha
Dois casais foram sequestrados por criminosos armados com fuzis na rodovia Cônego Domênico Rangoni, na altura de Cubatão (SP). A quadrilha abordou as vítimas com um carro com giroflex e levou os casais para um cativeiro, onde eles ficaram durante todo o dia. Eles foram obrigadas a realizarem transferências via PIX e foram liberados. Ninguém ficou ferido.
Os casais, que não se conheciam, foram abordados pela mesma quadrilha, mas em momentos diferentes. De acordo com a Polícia Civil, as vítimas são dois homens de 33 e 39 anos e duas mulheres de 22 e 32.
O primeiro casal foi sequestrado, por volta das 2h15 de segunda-feira (23), na rodovia Cônego Domênico Rangoni. Eles sairam de Guarujá e seguiam para a capital paulista, onde moram, quando foram abordados pelos criminosos.
A quadrilha usou um carro vermelho com giroflex, dispositivos de alarme sonoro e iluminação vermelha, como se fossem policiais, e pararam na frente do carro do casal. Depois, os criminosos sairam do veículo com fuzis e pistolas e abordaram as vítimas.
O casal foi levado para casas pequenas de madeira, com cadeados na porta, instaladas no meio da mata. Segundo a polícia, o local fica no bairro da Mantiqueira, perto da estrada. Eles foram obrigados a realizar transferências bancárias e passar a senha de cartões de crédito e dados pessoais.
Carro utilizado pelo criminosos durante sequestro em Cubatão
Nina Barbosa
O segundo casal foi sequestrado por volta das 4h. As vítimas também foram abordadas pelos criminosos na rodovia e levadas ao cativeiro. No local, já estava o primeiro casal, que havia sido abordado no início da madrugada.
Segundo a Polícia Civil, o homem do segundo casal percebeu que estava tratava de um sequestro e bloqueou os acessos aos bancos pelo celular. Já a namorada dele fez transações bancárias via PIX para as contas determinadas pelos criminosos.
Libertados
Por volta das 5h50 desta terça-feira (24), os dois casais foram liberados pelo grupo de criminosos às margens da rodovia Cônego Domênico Rangoni, em Cubatão. Eles caminharam até uma empresa portuária e pediram ajuda aos funcionários e a uma viatura que fazia a segurança do local.
Os casais foram levados à Delegacia Sede de Cubatão para prestar depoimento. O valor das transações feitas pelas vítimas não foi informado.
Estrada que dava acesso ao cativeiro que os casais ficaram presos em Cubatão
Nina Barbosa
Carros encontrados
A Polícia informou que foram feitas buscas, na manhã desta terça-feira, na região de Cubatão e próximo ao local do sequestro. Durante o patrulhamentos, os dois veículos das vítimas foram encontrados na Rua Barão do Rio Branco, em Cubatão.
Os carros foram apreendidos e levados para o pátio da delegacia. Segundo a polícia, será realizada uma perícia nos veículos para identificar possíveis registros dos criminosos que possam ajudar nas investigações.
Segundo a Polícia Civil, cerca de 15 indivíduos armados de pistolas e fuzis estão envolvidos no crime. Equipes da Delegacia Antissequestro (DAS) prosseguem em diligências para identificar e localizar a quadrilha. Por enquanto, ninguém foi preso.
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

valipomponi

0 comments on “Casais são sequestrados em rodovia, feitos reféns em cativeiro e liberados após transferências bancárias

Leave a Reply

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: