Dez anos após condenação no RN, ex-empregado que desviou dinheiro de empresa paga R$ 231 mil

dez-anos-apos-condenacao-no-rn,-ex-empregado-que-desviou-dinheiro-de-empresa-paga-r$-231-mil


Segundo Justiça do Trabalho, empresa comprovou que ex-funcionário vendeu produtos sem nota fiscal e não repassou valores pagos pelos clientes. Após mais de dez anos, o caso de um ex-empregado de uma empresa de alimentos condenado por desvio de recursos da empresa foi encerrado o pagamento da dívida. O trabalhador pagou o valor atualizado de R$ 231.618,95.
As informações foram divulgadas pelo Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte.
No processo, a empresa acusou o ex-empregado de ter realizado venda sem a nota fiscal e sem repassar os valores recebidos dos clientes.
“O réu descumpriu com normas da empresa, infligindo até mesmo o seu contrato de trabalho, com atos de insubordinação, mau procedimento e conduta, ocasionando imensos prejuízos”, alegou a empresa.
A juíza Janaina Vasco Fernandes destacou, em sua decisão, que o trabalhador faltou à audiência, sendo aplicado a “confissão ficta”, e apresentou defesa apócrifa (sem assinatura). “Ademais, a empresa juntou ao caderno processual farta prova documental das suas alegações”, afirmou.
A sentença da 6ª Vara de Natal foi de abril de 2012. Durante o processo de execução para o cumprimento da sentença, foi penhorado um imóvel para garantir o pagamento da dívida. O bem foi liberado após a quitação do valor.
Veja os vídeos mais assistidos no g1 RN

valipomponi

0 comments on “Dez anos após condenação no RN, ex-empregado que desviou dinheiro de empresa paga R$ 231 mil

Leave a Reply

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: