Escola de Samba Mocidade Unida da Vila Falcão vence carnaval em Bauru

escola-de-samba-mocidade-unida-da-vila-falcao-vence-carnaval-em-bauru



Com 169 pontos, Mocidade leva o 17º título do carnaval bauruense. Já entre os blocos, Dragões da Vila é o vencedor do desfile, com 98,30 pontos. Casal de porta-bandeira e mestre sala da Mocidade Unida da Vila Falcão de Bauru
Joabe Guaranha/Prefeitura de Bauru
A escola de samba Mocidade Unida da Vila Falcão é a grande campeã do carnaval 2023 em Bauru. A apuração ocorreu na tarde desta quarta-feira (22), no Teatro Municipal.
Com 169 pontos, a Mocidade levou o 17º título do carnaval bauruense. A Acadêmicos do Cartola ficou em segundo lugar com 168,20 pontos e, em terceiro, a Coroa Imperial, com 165,80 pontos.
Já entre os blocos, o Dragões da Vila foi o vencedor do desfile, com 98,30 pontos. Este é o primeiro título do bloco no terceiro ano em que a agremiação desfila. Na sequência ficou o bloco Pérola Negra, com 97,50 pontos e, em terceiro, o Unidos do Jardim Petrópolis, com 94,10.
Para as escolas de samba, os quesitos em julgamento foram samba-enredo, bateria, harmonia, evolução, enredo, alegorias e adereços, fantasias, comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira.
Os blocos foram julgados nos quesitos bateria, samba-enredo, evolução e empolgação, enredo, fantasias/alegorias e adereços.
Representantes das escolas acompanharam a apuração do carnaval no Teatro Municipal em Bauru (SP)
Anderson Camargo/TV TEM
Desfiles
Nos dois últimos anos, o evento não foi realizado em virtude da pandemia de Covid-19. Neste ano, devido à interdição do Sambódromo, os desfiles foram realizados na Avenida Jorge Zaiden. No sábado (18), primeiro dia do carnaval, a chuva atrasou em 3 horas o início do evento.
O desfile previsto para ter início às 19h começou por volta das 22h e, na primeira noite de carnaval, estrearam os blocos Unidos do Jardim Petrópolis e Dragões Unidos da Vila, e as escolas Estação Primeiro de Agosto e Mocidade Unida da Vila Falcão.
Desfile das escolas de samba e blocos no carnaval em Bauru
Joabe Guaranha/Prefeitura de Bauru
A Estação Primeiro de Agosto, estreante no carnaval de Bauru, destacou o Ubuntu, a filosofia sobre solidariedade, empatia e respeito ao próximo.
A Mocidade Unida da Vila Falcão trouxe nas alegorias um olhar para a própria trajetória. Um resgate das origens africanas e da igualdade em uma bateria puxada só por mulheres.
Na segunda noite de desfiles, na segunda-feira (20), a chuva deu uma trégua e um público de cerca de 8 mil pessoas, segundo dados da Polícia Militar, acompanhou o evento.
Assim como no primeiro dia, a corte do carnaval foi a primeira a desfilar. Depois foi a vez do Bloco Pérola Negra que levou para a avenida a história de cabocla jurema. Na crença Umbanda, ela é força que reina nas matas. Religiosidade, cuidado com a natureza e preservação das origens, tudo num só bloco.
Já as escolas de samba reservaram a noite para enaltecer o que dá orgulho para os brasileiros: as riquezas do país, a realeza e a diversa cultura popular.
Porta-bandeira e mestre sala durante desfile de carnaval em Bauru
Joabe Guaranha/Prefeitura de Bauru
A Coroa Imperial estampou nos carros alegóricos o tecido chita, marca de festas brasileiras, principalmente do Nordeste. As seis alas contaram a trajetória do tecido, desde a origem na Índia, passagem pela Europa até chegar no Brasil.
A até então campeã do carnaval bauruense, Acadêmicos da Cartola, trouxe os reis para a folia: o Rei Sol, Zumbi dos Palmares, Rei do Cangaço e Rei Pelé, esse último destaque na história de Bauru e samba enredo da Cartola.
A Tradição da Zona Leste valorizou os sabores do café e cacau brasileiros. Frutos de energia e alegria conhecidos pelo mundo.
Realeza do Carnaval abriu o desfile em Bauru nesta segunda-feira
Cesar Evaristo / TV TEM
Confira mais notícias do centro-oeste paulista:
,
Veja mais notícias da região no g1 Bauru e Marília

Vittorio Rienzo

0 comments on “Escola de Samba Mocidade Unida da Vila Falcão vence carnaval em Bauru

Leave a Reply

%d blogger hanno fatto clic su Mi Piace per questo: